Acupunctura

 
 
 
 

Acupunctura

 
Regularização da Energia
A Acupunctura consiste na colocação, durante alguns minutos, de agulhas muito finas e descartáveis em pontos específicos do corpo localizados nos meridianos energéticos e relacionados com os órgãos onde se pretende intervir. O objetivo é a regularização da energia que circula através do meridiano associado ao problema ou disfunção em causa, restabelecendo o bem-estar e a saúde do paciente. As agulhas podem ser manipuladas segundo técnicas variáveis de acordo com o objetivo do tratamento.
 
 
 

Acupunctura Estética

 
Harmonia dos nossos órgãos internos
A Acupunctura Estética visa tratar o nosso exterior melhorando a forma como nos sentimos. Ao fazê-lo está igualmente a melhorar o interior, a harmonia dos nossos órgãos internos. Utiliza um método simples através do qual são estimulados pontos cutâneos com o uso de agulhas. O organismo é estimulado a combater as agressões internas e externas que induzem à formação de celulite, gordura localizada, excesso de peso, estrias e rugas.
 
 
 

Massagem Tuina

 
Dispersar, Tonificar e Harmonizar
A Massagem Tuina chinesa, que quer dizer “empurrar e agarrar”, tem como objectivo dispersar, tonificar e harmonizar a energia e o sangue de um meridiano, órgão ou região. Desbloqueia, relaxa e reequilibra as energias yin e yang do corpo. Trata-se de uma massagem que é aplicada após ter sido feito um diagnóstico com vista a conhecer os desequilíbrios energéticos a corrigir. Este método terapêutico pode ser também utilizado como substituto da acupunctura em crianças ou em pacientes com dificuldade em submeterem-se ao tratamento com agulhas.
 
 
 
 
 
Moxabustão
 
Aplicação de calor aos pontos de Acupunctura
Na Moxabustão é aplicado calor aos pontos de Acupunctura obtido através da combustão de “lã” de moxa, proveniente das folhas de uma planta medicinal – artemisia vulgaris– libertando um cheiro intenso e elevada temperatura.

Assegurando efeitos terapêutico semelhante aos da utilização de agulhas, a moxabustão é mais utilizada durante o tempo frio ou moderado, é mais eficaz quando articulada com outras disciplinas da Medicina Chinesa.
 
 
 
Fitoterapia
 
O mais antigo sistema de cura do Mundo
A Fitoterapia utiliza plantas medicinais com fins terapêuticos, misturadas através de fórmulas desenvolvidas ao longo de séculos, por forma a obter maior eficácia, garantindo a ausência de efeitos secundários. Enquanto a maior parte dos medicamentos ocidentais que utilizam plantas extraem apenas uma pequena parte da planta, a Fitoterapia utiliza a totalidade da planta. Faz-se uso de algas, bolbos, raízes, flores, cascas, sementes e folhas; é especialmente adequada para doenças crónicas ou duradouras como a asma, depressão, problemas digestivos, doenças de pele e alérgicas, tensão, infeções e muitas outras.